Foi-se o tempo em que se vestir bem era uma mera necessidade física. Hoje em dia, as pessoas transformaram a moda em um estilo de vida. Por isso, muitas lojas estão apostando em novas tendências e buscando soluções para o varejo de moda.

Segundo a Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção, o varejo de vestuário poderá faturar até R$ 135 bilhões em 2017, com um crescimento de até 2% com relação a 2016. No entanto, para fazer parte desse cenário, uma loja precisa oferecer serviços diferenciados que vão além de uma vitrine atraente.

Proporcionar uma experiência de compra satisfatória é o grande desafio de muitas lojas. Confira, a seguir, quais são as melhores soluções para o varejo de moda:

1. Planeje uma vitrine incrível

Ter uma vitrine bem organizada e atraente pode aumentar o faturamento da sua loja no final do mês. Entretanto, montar uma vitrine bonita é insuficiente para atrair clientes, já que existem diversos concorrentes que mantém a mesma estratégia.

Por outro lado, desenvolva um projeto diferente e invista em uma iluminação adequada, que valoriza as suas roupas e os seus acessórios. Essa é uma maneira de impulsionar a entrada dos consumidores na loja.

Além disso, é interessante atualizar a sua vitrine todas as semanas, acompanhando os temas e as tendências do momento. Uma dica é contratar um designer para criar um projeto 3D ou utilizar outro recurso para destacar a sua vitrine em relação às demais.

2. Treine a sua equipe

Ainda que o varejo da moda apresente bons índices, nenhuma loja poderá sobreviver trabalhando com uma equipe desqualificada.

Lembre-se de que o atendimento é determinante para a realização das vendas. Então, contrate sempre vendedores simpáticos e inteirados do universo da moda para facilitar o engajamento.

Outra sugestão importante é treinar os seus funcionários a partir de cursos, palestras, workshops e até mesmo nas reuniões de equipe. Essa reciclagem é indispensável para o aprimoramento das vendas, além de ser essencial para aprofundar os conhecimentos.

3. Crie uma experiência de compra inesquecível

Não espere o cliente entrar na sua loja para proporcionar uma experiência de compra inesquecível. Embora seja um grande desafio, uma loja ou qualquer outro ponto de comércio precisa gerar uma boa impressão antes mesmo de a pessoa efetuar a compra.

Para isso, é fundamental investir em boas divulgações, manter a fachada convidativa e investir em um ambiente confortável no interior da loja. Esses detalhes fazem uma grande diferença para quem está comprando algo.

Por isso, mantenha o foco no cliente, oferecendo a ele cartões fidelidade, condições especiais de pagamento, exclusividade em algumas peças, entre outras estratégias que possam fidelizá-lo.

4. Pesquise os nichos

O varejo da moda oferece diferentes nichos para serem explorados pelas lojas e pelos seus consumidores. Um bom empreendedor precisa estar familiarizado com esse assunto, conhecendo os tipos de vestuários disponíveis no cenário fashion.

Além das modelagens convencionais, incluindo P, M e G, existem outras variações que podem ser exploradas, como vestuários:

  • ecológicos;
  • esportivos;
  • fitness;
  • gala;
  • plus size;
  • entre outros estilos.

De qualquer modo, antes de selecionar os nichos com os quais vai trabalhar, determine o seu público-alvo e conheça as suas preferências e as suas necessidades. Somente depois ofereça o tipo de vestuário que mais combina com eles.

5. Tenha o mix de produtos variado

Montar um mostruário atrativo é uma das soluções para o varejo de moda. Isso mostra que oferecer um mix de produtos diversificado se tornou um quesito indispensável para superar os concorrentes e conquistar a preferência dos clientes.

Dessa forma, vale a pena diversificar as roupas e os acessórios, disponibilizando linhas de produtos mais abrangentes (mix de produtos), peças básicas que vendem mais rápido — como calças, camisetas e outros tipos de vestuários mais simples (mix de moda) — e coleções de roupas que acompanham as últimas tendências das passarelas internacionais, compondo até 70% do seu mostruário.

6. Ofereça serviços diferenciados

Conquistar a preferência do cliente é um desafio constante para quem está no varejo. Mesmo com uma vitrine atraente, um mix de produtos variados e uma equipe bem treinada, é necessário investir em serviços diferenciados e que façam a sua loja se destacar dos concorrentes.

Essa estratégia também faz parte da experiência de compra do consumidor, exigindo serviços que complementam às vendas, como consultores, personal stylist, blog com dicas, entre outros benefícios que demonstrem ao cliente o quanto ele é especial.

7. Marque presença nas redes sociais

Sem divulgação, uma loja não está preparada para alcançar o sucesso, mesmo aderindo a todas as soluções para o varejo de moda.

No entanto, além dos métodos tradicionais de publicidade, uma loja precisa marcar presença na internet por meio das redes sociais e de outros canais de divulgação.

O segmento da moda é um dos que mais se destaca no meio digital, levando em consideração a oportunidade de divulgar a marca por meio de fotos, promoções, depoimentos de clientes e outras estratégias poderosas de marketing.

Ter uma página no Twitter, no Facebook, no Instagram etc., também permite melhorar o relacionamento com o consumidor, aumentando as chances de interação e, consequentemente, de vendas.

8. Tenha um sistema de gestão

A tecnologia é uma forte aliada para o mercado da moda. Sem ela, uma loja não pode otimizar os seus processos e oferecer a experiência de compra mais satisfatória.

As soluções tecnológicas vieram para transformar o espaço físico das lojas em algo mais sedutor para os clientes, incorporando ainda vantagens para o gerenciamento do estoque, por exemplo.

Atualmente, o varejo já pode contar com diversas soluções interessantes, como etiquetas inteligentes, rastreamento de peças, vendas on-line com estoque atualizado etc.

No mais, os softwares de gestão já são uma ferramenta indispensável para facilitar a rotina das lojas, sendo úteis para:

  • melhorar o relacionamento com o cliente;
  • fazer divulgações on-line;
  • realizar cadastro do cliente;
  • controlar o estoque;
  • controlar o fluxo de caixa;
  • e uma série de vantagens.

Empresas como a Grands Sistemas já oferecem soluções como essas, por meio de softwares especialmente desenvolvidos para o comércio atacadista e varejista. Conhecer essas soluções é, sem dúvidas, um grande benefício para otimizar as vendas.

Gostou de conhecer essas soluções para o varejo de moda? Então se surpreenda ainda mais conhecendo a Grands Sistemas! Entre em contato com a gente e descubra as melhores alternativas para modernizar a sua loja!